A história tem mostrado que a moda é a pior maneira de enfrentar os debates educativos. Porque atrás de uma moda vem outra moda, num processo que acaba nos dispensando de pensar e de construir respostas próprias e adaptadas à nossa realidade. A adesão à novidade pela novidade pode não ser o caminho mais acertado na educação, pois as novidades depois envelhecem. Agora, diferente é a inovação, pois este pressupõe um trabalho pessoal e colectivo de reflexão, de apropriação e de mudança. Em educação, as tecnologias devem inserir-se nesta busca de novas concepções e práticas pedagógicas.  É neste contexto que se insere esta cadeira.